O escritório Lazzarin Advocacia Previdenciária, que atua em defesa dos direitos sociais, não concorda com a penalização dos mais vulneráveis que poderá ser ocasionada pela chamada “Reforma Previdenciária”.

Está explícito: O próprio Paulo Guedes, na Exposição de Motivos da PEC 06/2019 (“Reforma da Previdência”), item nº 114, diz de onde sairá a “economia” de um TRILHÃO de reais: serão 715 bilhões do Regime Geral da Previdência Social (dos aposentados que ganham até 2 salários mínimos, que somam mais de 80%) e do BPC (benefício dos idosos e deficientes miseráveis, que ganham 1 salário mínimo). A soma das duas parcelas é 897 bilhões de reais.

Como se vê, ao contrário do discurso utilizado, não há combate aos privilégios, ao contrário, há um ataque aos mais vulneráveis (especialmente mulheres, trabalhadores rurais, idosos e deficientes).

A obstaculização do acesso aos direitos sociais e o aviltamento dos valores dos benefícios aumentará as desigualdades sociais, gerando ainda mais exclusão social.

Portanto, o escritório Lazzarin Advocacia Previdenciária declara apoio à #GreveGeral do dia 14 de junho de 2019.

Desenvolvido por WD Sites - Criação de Sites!